1. A Borders, mega livraria americana, acaba de sofrer intervenção na Inglaterra. Quem visita a página da livraria encontra essa informação. Isso é má notícia por dois motivos: porque várias livrarias fecham com isso; porque eu costumava ir lá tomar café com o Na Prática, antes de ele ficar confraternizando com a elite do PSDB. Mas, como o editorial do Guardian argumenta, isso não deve obscurecer o fato de que novas ligvrarias, menores e mais especializadas, estão se firmando no mercado inglês.

2. Também no Guardian, a notícia de que o documento de divórcio de Thomas Paine foi reencontrado. O papelote estava perdido desde 1892, e é fundamental para a biografia de um dos pensadores mais interessantes do século XVIII – contando a história de T.P. causei considerável impressão na Sra Amiano no início de nosso relacionamento. Foi graças a esse divórcio que Paine conseguiu o dinheiro e a liberdade para ir para os Estados Unidos e virar radical de verdade.

3. Robert Darnton discute a controvérsia legal envolvendo o Google Book Search, a iniciativa do Google de criar a maior biblioteca digital do mundo. O argumento do Darnton é de que esse debate deveria ser mais público, que todos deveríamos estar envolvidos, mas que isso não está acontecendo. Eu basicamente concordo com os argumentos do Darnton, do Ministério da Justiça americano, e com dos governos da França e Alemanha – é perigoso concentrar tanto poder nas mãos de uma única empresa. Mas, do ponto de vista de alguém que não tem acesso a muitos destes livros, eu acho que a possibilidade de acessar esse material online é preciosa, e ninguém encontrou até agora uma resposta tão boa quanto a do Google.

4. Já que estamos falando de digitalização, a Blodelian library de Oxford disponibiliza 80 manuscritos antigos e  medievais completos.  Vai desde um menológio grego dedicado a Demétrio I Paleólogo, príncipe bizantino que governou Tessalônica no século XV antes de se mandar pro lado dos Otomanos, até o fantástico P.Herc.118, um dos papiros encontrados em Herculano (a cidade romana destruída pelo Vesúvio).