É difícil postar qualquer coisa quando você perde o entusiasmo por uma eleição polarizada. Você acaba falando meio que sozinho, o que é sempre chato. Por isso eu cheguei à conclusão que o ideal a fazer seria escrever um post comparando as diversas propostas da Dilma às do Serra. Seria mais uma forma de explicar porque é que este blog apoia a Dilma. Eu pensei, o primeiro post deve ser sobre educação, visto que este tema me interessa demais.

Qual não foi minha surpresa ao chegar na página oficial da Dilma e ver que não tem nenhuma proposta sobre educação. Nenhuma! Eu certamente estou mal informado, mas só o que vi ali foram “sugestões” de eleitores. Comentando com um amigo mais chegado ao PT, ele disse que as propostas foram retiradas dali quando começou a história de aborto, o que me parece um contra-senso. Não dá para um partido, depois de 8 anos no poder, chegar a uma eleição com uma candidata que é claramente bem preparada e não ter um programa para apresentar. Não dá para um partido considerar seriamente que “continuidade” é o mesmo que “programa de governo”. Tem que explicar: continuidade como? De quê?

E não me venham os eleitores do Serra me dizer que ao menos ele tem propostas para educãção no site dele. É verdade, tem sim. Mas antes não tivesse. Porque além de ter que ler platitudes dignas de um sujeito sem idéias o internauta ainda dá de cara com uma foto do Serra e do Índio sorrindo – e a única coisa que me dá mais medo do que a imagem do Serra sorrindo é a idéia do Índio feliz (algo de mau está acontecendo…). Bom, felizmente o Zé Knust leu o programa do Serra e discutiu seu conteúdo, então recomendo a visita ao seu site.